Detectamos que o seu navegador está desatualizado. Para uma melhor visualização do conteúdo, recomendamos que baixe uma versão mais recente.

Menu

Notícia

Categoria: Segov

Governador participa da posse da Amvale e ressalta esforço do Estado em garantir repasses às prefeituras

Romeu Zema destaca medidas de austeridade já tomadas pela sua gestão, como o corte de até 80% no custeio de secretarias

Imagem ilustrativa - Romeu Zema reforçou junto aos prefeitos as medidas de economia que estão sendo tomadas pelo Estado
Romeu Zema reforçou junto aos prefeitos as medidas de economia que estão sendo tomadas pelo Estado (Foto: Gil Leonardi/Imprensa MG)

Compartilhar notícia

  • ícone de compartilhamento

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, participou nesta quinta-feira (14/2), em Uberaba, no Triângulo Mineiro, da posse da diretoria da Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Rio Grande (Amvale). O prefeito uberabense Paulo Piau assumiu a presidência da entidade. Em discurso aos prefeitos da região, o governador destacou o esforço da sua gestão em conseguir regularizar os repasses aos municípios. A cerimônia foi o primeiro compromisso de Zema na cidade dentro da programação do “Giro pelo Estado”, que visa fortalecer a presença de representantes do Governo de Minas em todas as regiões do Estado.

“Agradeço muito o apoio dos prefeitos. Sei que eles foram os que mais sofreram nos últimos anos, por não terem recebido as verbas que constitucionalmente têm direito, mas nós estamos fazendo um sacrifício gigantesco para que esses repasses cheguem às prefeituras. E, desde o início deste mês, estão chegando”, ressaltou o governador.

Romeu Zema salientou que sua gestão encontrou uma situação muito mais complicada do que a que vinha sendo declarada pela administração anterior. Para o governador, os números foram forjados para que não houvesse medidas de austeridade necessárias e que não foram feitas à época. Em resposta a isso, ele garante estar fazendo um grande esforço para colocar as contas em dia e citou exemplos de cortes de verba de custeio de até 80% em secretarias estaduais.

“O Estado tem que fazer o ajuste agora, as prefeituras já fizeram. Nos últimos anos o que nós vimos, infelizmente, foram mentiras sendo contadas, com o Estado se endividando irresponsavelmente, confiscando ativos, fazendo uma série de manobras condenáveis. Mas eu diria que isso acabou, o remédio é amargo”, afirmou o governador, que pediu união e compreensão de todos os gestores municipais.

O governador afirmou aos prefeitos do Triângulo Sul que medidas de economia estão sendo tomadas a todo o tempo pelo governo, e, ao final, farão uma grande diferença.

“Sempre tenho postado medidas de economia que estamos adotando. Uma hora você economiza R$ 5 milhões por ano, outra hora são R$ 10 milhões, muito longe dos R$ 11 bilhões que o Estado está perdendo anualmente. Mas nós só vamos resolver isso com disciplina e ações que reduzam efetivamente custos, até que haja uma solução de maior impacto, que é a adesão ao programa de recuperação fiscal”, garantiu.

Apoio

O vice-presidente da Associação Mineira dos Municípios (AMM) e ex-presidente da Amvale, prefeito de Pirajuba, Rui Ramos, ressaltou o apoio da entidade ao governador. “Nós prefeitos estamos com o senhor. Sabemos o grande abacaxi que o senhor pegou e a AMM é sua companheira. Fazemos cobranças incisivas porque estamos no nosso limite, já cortamos o que podíamos cortar, mas queremos ser parceiros do governo”, disse.

O presidente empossado da Amvale, Paulo Piau, entregou ao governador documento elaborado em conjunto pelos prefeitos da região com pedido de apoio para ações locais.

“Gostaria de parabenizar o senhor pelos repasses constitucionais de fevereiro, que estão em dia. Sou regionalista e me preocupo com os pequenos municípios. A Amvale e as associações microrregionais daqui têm poder de alavancar o desenvolvimento econômico da região”, completou o prefeito.

Amvale

A Amvale foi criada em 1976 e é composta pelos municípios de Água Comprida, Campo Florido, Comendador Gomes, Conceição das Alagoas, Conquista, Delta, Nova Ponte, Pirajuba, Planura, Sacramento, Santa Juliana, Uberaba, Veríssimo. Todos eles integram a área geográfica que constitui a microrregião do Vale do Rio Grande, no Estado de Minas Gerais, no trecho onde o rio faz divisa com o estado de São Paulo.

Fonte: Agência Minas

Últimas Notícias