Detectamos que o seu navegador está desatualizado. Para uma melhor visualização do conteúdo, recomendamos que baixe uma versão mais recente.

Menu

Notícia

Governo de Minas Gerais investe R$ 100 milhões em obras viárias em sete regiões do estado

O secretário de Estado de Governo, Igor Eto, participou de anúncio feito pelo governador Romeu Zema, nesta terça-feira, na Cidade Administrativa

Imagem ilustrativa - Participaram do anúncio os secretários de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato; de Governo, Igor Eto; e o diretor-geral do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais, Fabrício Sampaio.
Participaram do anúncio os secretários de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato; de Governo, Igor Eto; e o diretor-geral do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais, Fabrício Sampaio. (Foto: Gil Leonardi / Imprensa MG)

Compartilhar notícia

  • ícone de compartilhamento

O governador Romeu Zema anunciou, nesta terça-feira (25/8), ordem de início para oito obras viárias em diferentes regiões do estado, com investimento total previsto de R$ 100,5 milhões. Participaram do anúncio os secretários de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato; de Governo, Igor Eto; e o diretor-geral do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais, Fabrício Sampaio.

As obras foram viabilizadas graças a um esforço de negociação do Governo de Minas, via Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e à Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge), órgãos fontes dos recursos.

“Depois de praticamente cinco meses totalmente dedicados à pauta da pandemia, nosso Estado começa a ter, necessariamente, de se preocupar com investimento e empregos. Lembrando que a pandemia, nos últimos dias, demonstrou uma queda no número de casos e óbitos e tudo indica que o pico está ficando para trás. Então, além de salvar vidas, também precisamos salvar empregos, e mesmo criá-los. Essas oito obras se encaixam nesse contexto”, afirmou o governador Romeu Zema.

O secretário de Estado de Governo, Igor Eto, ressaltou que a viabilização das obras demonstra a parceria entre o Executivo e o Legislativo. “Sinto que nós estamos vivendo aqui hoje a realização do pacto que o poder executivo, o governo do estado de Minas Gerais, e os parlamentares mineiros fizeram pelo povo de Minas Gerais. De trabalharmos juntos pela construção e desenvolvimento do nosso estado”, disse.

Conforme Eto, todas as obras presentes nesta assinatura de algum modo foram trazidas pelos parlamentares à secretaria de governo, secretaria de infraestrutura e muitas das vezes até diretamente ao governador. “Os nosso deputados que estão nas bases, lá na ponta, vivendo o dia a dia do cidadão, sabendo o que é relevante e importante para o cidadão, e com a missão de vir até o governo estadual para trazer as relevantes obras necessárias nas suas regionais. Nós estamos atendendo aqui sete regiões diferentes do nosso estado e isso só demonstra o tanto que este governo está pronto e disposto a conversar e a articular com os nossos parlamentares na construção e desenvolvimento do nosso estado”, afirmou.

Conforme o secretário, um investimento desse porte “é uma vitória do governo do estado, dos nossos parlamentares, e acima de tudo, do cidadão de Minas Gerais que tem no seu poder público pessoas que trabalham com muita seriedade e muita dedicação para o desenvolvimento do nosso estado”.

“Com certeza, como é de interesse do governador e como é intenção de todos nós aqui, não vamos parar por aqui. Encontraremos sempre alternativas, mesmo com o estado de Minas Gerais passando por uma situação muito delicada do ponto de vista fiscal, para trabalharmos muito em acordo com os nossos parlamentares, em busca de alternativas para o nosso estado. Hoje foram essas regiões, mas a expectativa é de continuarmos esse trabalho incessante dentro do governo do estado e de articulações com os nossos deputados, para anunciarmos mais obras e mais desenvolvimento e boas condições de vida para os 21 milhões de mineiros, que são aquelas pessoas que todos nós aqui representamos”, finalizou Igor Eto.

Obras
O BNDES disponibilizou recursos para seis obras, sendo elas: Contorno Sul de Montes Claros; Contorno de Cataguases; conclusão do Contorno Sul de Uberlândia; Interseção do entroncamento BR-040 (Barreira do Triunfo) - João Ferreira (Goianá); conclusão da pavimentação do trecho Antônio Carlos – Bias Fortes, na MG-135 e, ainda, a conclusão das obras de pavimentação no Anel Viário de Sete Lagoas (Avenida Norte-Sul). Os investimentos totalizam R$ 82,7 milhões e são saldo dos programas Pro Investe e Programa de Desenvolvimento Integrado II (PDI).

Já os recursos de convênios com a Codemge serão aplicados em outras duas intervenções: o Acesso ao Distrito Industrial de Jacutinga, com recursos de R$ 4,4 milhões, e o Contorno de Poços de Caldas, com recursos de R$ 13,4 milhões.

As obras, que serão executadas pelo DER-MG, vão melhorar o escoamento da produção, proporcionar mais segurança e qualidade de vida para a população que transita pelas rodovias mineiras e, consequentemente, impactarão também na economia e geração de empregos. Todos os empreendimentos já terão mobilização pelas empresas nos próximos dias.

Anel Viário de Sete Lagoas
A conclusão das obras no Anel Viário de Sete Lagoas beneficiará diretamente os municípios de Jequitibá, Baldim e Santana do Pirapama. A projeção do tráfego no local, após a conclusão das obras, é da ordem de 6,5 mil veículos por dia, uma vez que estão instalados, no Parque Industrial do Município, grandes conglomerados industriais.

Contorno Sul de Uberlândia
A conclusão do Contorno Sul de Uberlândia ligará a rodovia estadual MGC-497 (Uberlândia – Prata) à rodovia federal BR-050 (Uberlândia – Uberaba). A obra vai retirar boa parte do elevado fluxo de longa distância que hoje passa pelo centro da cidade. Serão beneficiadas diretamente em torno de 604 mil pessoas.

Contorno de Cataguases
A construção desse Contorno permitirá o acesso à BR-120, via Bairro Taquara Preta, beneficiando diversas indústrias e empresas, como a Companhia Industrial Cataguases, uma das mais importantes no setor de tecelagem do país. Será beneficiada toda a população de Cataguases, ou seja, mais de 70 mil pessoas.

Contorno de Poços de Caldas
As obras de melhorias no Contorno de Poços de Caldas, além de possibilitarem maior conforto aos motoristas, também aumentarão a vida útil do pavimento. Poços de Caldas é uma das principais cidades do Sul de Minas, com forte apelo turístico, em parte pelas famosas fontes de águas minerais. O contorno rodoviário permite desvio, do centro da cidade, de elevado número de veículos (cerca de 7 mil/dia), pois interliga as rodovias BR-267 e BR-459.

Contorno Sul de Montes Claros
A implantação das vias laterais do Contorno Sul de Montes Claros promoverá a ligação das rodovias BR-135 e BR-365. O tráfego no local é de aproximadamente 4 mil veículos/dia. Com a conclusão da pavimentação das vias laterais, espera-se a diminuição da interação entre o tráfego local e o de longa distância, contribuindo para a redução do número de acidentes.

Acesso ao Distrito Industrial de Jacutinga
Trata-se de conclusão da interseção do acesso ao Distrito Industrial de Jacutinga, que vem se destacando como grande polo de atração de empreendimentos, principalmente pela localização estratégica e proximidade de grandes centros comerciais, como São Paulo e Rio de Janeiro. Existem diversas indústrias instaladas no local. A obra beneficiará cerca de 25 mil pessoas e proporcionará maior segurança aos usuários da via.

Interseção BR-040 – João Ferreira (Goianá)
A adequação na ligação da Rodovia BR-040 com a MG-353, em Goianá, proporcionará maior segurança aos usuários da via, em especial àqueles que se destinam ao Aeroporto Internacional de Juiz de Fora, localizado na cidade de Goianá, reduzindo, assim, o tráfego na região central de Juiz de Fora.

Antônio Carlos – Bias Fortes
A MG-135, entre os municípios de Antônio Carlos – Bias Fortes, integra os circuitos turísticos da Trilha dos Inconfidentes e das Serras do Ibitipoca. A pavimentação do trecho diminuirá o tempo de percurso e facilitará a ligação dos municípios à cidade de Barbacena, considerada uma das mais importantes da região. Bias Fortes é um dos únicos seis municípios de Minas Gerais que ainda não tem acesso pavimentado. A conclusão das obras melhorará a acessibilidade e mobilidade, contribuindo, ainda, para o crescimento das atividades econômicas locais, facilitando a integração aos mercados e a atração de novos negócios. Das cinco cidades que continuarão sem acesso a rodovias asfaltadas, três ficam em trechos sob responsabilidade do governo federal.

Fonte: Secretaria de Estado de Governo

Últimas Notícias